Palavras ao Vento

ano VIII ...entre os catetos da hipotenusa e os versos do soneto...

(in) verdade

Publicado por Cristiano Nadai under , , , on sexta-feira, maio 09, 2008
Porque é tão fácil falar do que não vivemos?
Somos todos doutores, graduados em Contigo, Sportv, Vídeoshow e Jornal Nacional. Donos da verdade, como se as paginas da Veja fossem o contrato de alguma coisa. Coisa alguma somos, mas pensamos!(?) Acreditamos que copiar é o bastante, e por que mais? Se saiu no Fantástico eu assino embaixo (e conto para os vizinhos, é claro).
Nada mais filosófico e democrático do que mesa de bar, há espaço para todos. Também depois da terceira dose só existem gênios e é melhor Sócrates e Marx descansarem em paz, eles eram apenas sub-dotados convencidos e reféns da mídia.
Se todas as pessoas já vêm com rótulos, por que precisamos conhecer mais a fundo? Certamente alguém lá no serviço pode me informar melhor...
____________________________________________________

Acertar nos pré-conceitos é mais difícil do que morrer em balas perdidas. Perdemos pessoas fantásticas só por que levamos a serio idéias conspiratórias e fofocas. Não se aprende a viver por teorias, ainda mais se elas saírem de botequins ou revistas baratas. Não existem leis absolutas!
Talvez o mais difícil seja admitir que não sabemos de tudo, muito temos a aprender e selecionar. Conhecemos/lemos muito, mas pouco vivemos... Só defendemos verdades que não são nossas.

Em off- Ok, estou mesmo sem criatividade =/
Mas só faltam alguns comentários mais atrasados (me desculpem) e alguns ajustes aqui no template e tudo volta ao “normal” (espero). Sabe, confesso, estou morrendo de saudades de vcs. Isso daqui já faz parte de mim. Abraços!

19 deixaram suas marcas:

André Kaworu disse... @ 10 de maio de 2008 22:41

Oi meu jovem....parábens pelo texto mesmo vc achando que está sem criatividade, imagina se estivesse com..... realmente depois d alguns goles vários gênios surgem nas mesas de bar abraços e boa semana

Cris disse... @ 11 de maio de 2008 12:40

Cris, Cris....Complicada essa coisa de reciclar seres humanos através de manual de instrução, até porque cada um de nós é uma eterna variante e, dentro desse pré conceito eu acredito que esse é um dos nossos maiores direitos, natos: o de surpreender. Um beijo grande e parabéns pelo texto.

Claudya disse... @ 11 de maio de 2008 15:47

Oi Cris, vc. está sem inspiração, e eu com tendinite. Desejo-lhe melhoras. Sobre o post, na maioria das vezes é como o crime de rixa, o pessoal se deixa levar pelo calor do momento, e acaba participando, sem saber exatamente do quê... Bjs.

Si disse... @ 11 de maio de 2008 20:05

...e qdo queremos defender as nossas verdades somos colocados na fogueira! bjss saudade de vc

Júnior Creed disse... @ 12 de maio de 2008 10:14

Cris, moço querido, a gente se acostumou ao fútil, ao laico, ao que não tem utilidade e vc escreveu perfeitamente sobre isso. o sucesso dos BBB´s da vida nos mostra o quão somos permissivos, viciados no alheio, na vida do outro, somos curiosos natos pelo que não nos pertence. nos transformamos em monstro, cris. e agora? um abraço, amigo![ assim que te encontrar online no msn, te digo sobre os registros dos textos ]

Srtª Amora disse... @ 12 de maio de 2008 13:34

a única coisa que importa é o que acredito...

somos assim, e algum dia seremos assados. O ser humano não muda e começo mais um ponto contra a tal evolução.

bjos e ótima semana.

Mandiiê disse... @ 12 de maio de 2008 18:17

Oi Cris!
A fofoca e o difamação são como penas que você arranca de um passáro e o vento leva. Depois é impossível trazê-las de volta.
Um rótulo ficará para sempre e dependerá das pessoas quererem ou não conhecer o rotulado mais a fundo e decidir se ele é mesmo aquilo ou foi só pura falação. O que na maioria das vezes é.

Poxa, queria eu, quando estou SEM criatividade, escrever coisas assim. Quando eu estou sem criatividade, só sai M.
¬¬'


Beijoo :*

Sem Pretensão disse... @ 14 de maio de 2008 23:48

Olá Cris, sou a Dani e cheguei a seu blog através de pessoas que já conheci por esse mundo blogueiro. Sua abordagem é extremamente interessante, suas metáforas então, nem se fala. Sempre bom conhecer pessoas inteligentes. `Será um prazer ter contato contigo.O q escrevo não é da mesma linha que a sua, se te interessar, verás que minha acidez e sarcasmo é demonstrada de outra forma. Espero que me faça uma visita e q contribua tb com meus humildes poemas. Cada um na sua e todos na onda da livre expressão. Beijos, Dani.http://despretenso.blogspot.
com

Caio jJ César disse... @ 15 de maio de 2008 00:15

Poderoso post em? Seu?

Cara, somos exatamente o que vc escreveu, doutores em futilidade, assuntos vulgares e sem tese, uma emaranhado de nada misturado a o mais nada ainda no futuro próxima, que já tá em nossa janela mas nem percebemos por que a chuva da verdade de tão pavorosa nos cega.

Precisamos um pouco de verdade, precisamos reencontrar o conceito de notícia, o conceito de necessidade informativa.


"Pois aquele garoto que ia mudar o mundo, agora assiste a tudo em cima do muro " Cazuza



Outra coisa, gostei do seu comentário em, mas vem cá, já te pedi pra me avisar quando haver post novo, assim não pode, sempre fico a espera sabia?

Ótima semana, e não estou triste daquele jeito não, foi só falta do que escrever e resolvi chorar um pouco kk.

MH disse... @ 15 de maio de 2008 09:46

Outra coisa que me irrita: a revista Veja virou a bula da vida. Se esta ali, é verdade absoluta. Absurrrrrdo.

Si disse... @ 15 de maio de 2008 18:40

amigo...eu to bem! kd dia q passa é como se fosse uma vitoria. Sei q essa sensação vai passar. to lutando bravamente pra isso. bjss
saudade de vc!

Osc@r Luiz disse... @ 15 de maio de 2008 23:04

Como todo mundo já disse o que eu teria a dizer, acho que só faltou acrescentar que somos todos "técnicos de futebol". Julgamos que entendemos mais do que os técnicos que estudaram anos disso, e convivem com o plantel diariamente...
Somos mesmo muito pretenciosos...
Grande abraço, meu amigo.
Seu blog está cada vez melhor.

biazinha disse... @ 15 de maio de 2008 23:33

A famosa cultura de
almanaque é que alimenta os pseudointelectuais.
Me nego a ler esse tipo de revista, mas enfim, a maior parte das pessoas é voyeur da vida alheia pra encobrir o vazio de sua própria vida.
Saudades de vc, heim!

Bjuxxx.

^^

Anny disse... @ 17 de maio de 2008 15:05

Oi Cris:
Pois é, falta humildade nas pessoas. Um pouco dela em cada ser humano iria ajudar um bocado, não é mesmo?
Abraço

Sem Pretensão disse... @ 18 de maio de 2008 21:56

Cris, obrigada pela gentileza ! E a promessa pela revisita constantes é recíproca! A nós dois mãos à obra! Bjs e ótima semana. Ah, se quiser adicionar msn é daniele_boechat@hotmail.com.

Ciça. disse... @ 19 de maio de 2008 16:23

Eu mesma depois de uns goles viro gênio! aehhuahue.


:*

Bel Gasparotto disse... @ 20 de maio de 2008 22:41

Retribuindo a visita, um tanto atrasada, rsrs. Gosto de textos indignados, às vezes também passo pra tela minhas indignações...

Idade contemporânea não é um nome provisório não, é provável que se crie um nome do tipo "idade pós-contemporânea" pra próxima fase da história. Eu acho, rsrs.

MH disse... @ 21 de maio de 2008 21:34

cade tu???

Cin disse... @ 21 de maio de 2008 23:18

Se sem criatividade escreveu esse texto ótimo imagina qdo ela vier?
Estou de volta meu amigo e senti sua falta por aqui.
Bjinhos!

Postar um comentário

...entre os catetos da hipotenusa e os versos do soneto...

Não limpe os pés antes de entrar...
Tire os sapatos e sinta-se a vontade!
A casa é sua, só peço um pouco de educação e que não venha simplesmente colar uma plaquinha com o seu endereço... No mais, liberdade de expressão é tudo oque há!
Obrigado pela visita e volte sempre, Será bem vindo :)
- Obs: favor deixar algum link (vale facebook, twitter...) ou email em que eu possa responder
- Obs 2: Se preferir, utilize o formulário para contato

 

Palavras ao Vento!

Versos, prosa e erros ortográficos, tudo em conflito!
Verbos se tornam pronomes e do adjetivo se faz um ser... Sob a brisa da madrugada, marés de ideias se colidem e formam Palavras (ao Vento). Se o resultado é bom ou não, só você pode dizer...

:banners:

Protected by Copyscape Duplicate Content Software

Socialize:

Add to Technorati Favorites Arts & Entertainment Blogs - Blog Catalog Blog Directory

Comentando..

Dose diária de poesia?