Palavras ao Vento

ano VIII ...entre os catetos da hipotenusa e os versos do soneto...

Homem Alface

Publicado por Cristiano Nadai under on domingo, abril 27, 2008
...Deus dos vegetais
Olhe um pouco por nós...

Imóvel, inútil e comum
Diz ser muito, inventa milagres
E ignora as próprias promessas

Sem graça, sem papo e sabor
Esse sim é 100 % água
Impura e destilada

Sem lado fixo
O time que ganha,
Seu campo pesa mais
E ele apenas rola

Se envolve e reclama
Falta verba federal
E atrás do seu gabinete
Se acha rei...

Reinado findável
Que assim seja feita a nossa vontade
O mundo não é uma horta
Como vai ser governado por alfaces?


em off: sem churrasco para comemorar, mas vamos voltando, à conta gotas

15 deixaram suas marcas:

biazinha disse... @ 27 de abril de 2008 23:18

Esse home alface é hilário...hahaha!
Político é sempre foda e apela pra qualquer absurdo pra se manter no poder ou se justificar perante a sociedade!
Respondendo ao seu comentário: escuto muitas bandas de rock, tenho preferência especial por gothic metal, death e trash.
Escuto o pop rock daqui tbm, mas bem menos...costumo freqüentar o underground com minha mãe e minha amiga Érica ( Tia_Zona ou Headbanger e Ogra_trash...rsrsr).
Escuto bandas de garagem tbm que estão começando.
que bom que vc reapareceu...vamos fazer um churrasco? Mas sem alfaces, por favor!
HUAHUAhuahuahahaHUAHHAHAHA!

BJUXXX.

(L)

biazinha disse... @ 28 de abril de 2008 01:27

Gosto de Avegend Sevenfold, the sister of mercy, Merallica, Pantera, matanza, Luxúria, epica, tristania...etc, etc, etc....hahahaha!

Júnior Creed disse... @ 28 de abril de 2008 09:31

Cris, eu me perco nas águas densas do seu senso crítico, como alguém pode ser tão sensível em fazer uma crítica usando tais metáforas? vc é um amante do saber, meu caro, isso está mais que explícito. esse rei dos vegetais me lembrou a hegemonia carlista aqui na bahia,q ue foi se degradando, caindo aos poucos em suas próprias contradições até que deu lugar a um novo tipo de governo que tá caindo no mesmo erro, chega de populismo, a gente não quer só comida, a gente quer é ética. um abraço, meu amigo!

Bia disse... @ 28 de abril de 2008 14:34

Ai Cris..quase chorei aki lendo o que vc escreveu no meu blog! Poxa, assim eu nao aguento né!!
Só por vc eu continuaria a escrever, só por vc...mas eu nao ando mto inspirada esses dias e a facul tem me tomado mto tempo, afinal, me formo ano que vem jah.
Estou emocionalmente esgotada sabe, sentindo um vazio mto grande e isso ta me impedindo de escrever, entre outras coisas...
Espero que td isso passe um dia.
Depois me add la no msn pra gente conversar tá!! O end ta no meu orkut...
Te agradeço demais pelo seu carinho Cris! Tbm adoro vc!!
E tbm adoro td que vc escreve!!
bjao!!

Sonia Regly disse... @ 28 de abril de 2008 23:37

Vim convidá-lo para conhecer o Compartilhando as Letras, sua visita muito me honrará.Aguardo vc lá!!!!!

Lola disse... @ 29 de abril de 2008 13:26

Homem alface, bela comparacao!

Lola disse... @ 29 de abril de 2008 13:26

Homem alface, bela comparacao!

Mandiiê disse... @ 30 de abril de 2008 19:45

Posso escolher ser uma tomate?
Ia combinar perfeitamente com a minhas bochechas vermelhas, ocasionalmente..!

Não tenho tanta certeza que o mundo não é uma horta. Por quê outra razão a massa agiria como uma turba de vegetais, que apenas falam, falam, falam e não fazem nada?

VEGETAM.

Mandiiê disse... @ 30 de abril de 2008 19:46

Ahh!

E o novo link é do meu novo blog. Mas o in ainda funcionará, ocasionalmente!

;)

Si disse... @ 30 de abril de 2008 22:00

parece q ja estamos com as alfaces ditando as regras né meu amigo?
Meu lindo, obrigada pela força, comecei a melhor de uma coisa e em seguida veio outra, mas fazer o que? td vem, td vai, mas sou grande,forte e marrenta e vou sair dessa.bjsss adorei sua visita.Some nao viuuu

André Kaworu disse... @ 1 de maio de 2008 22:04

Olá meu jovem....bem vindo de volta ao mundo blogueiro(mesmo que seja somente para uma participação especial) abraços e boa semana e muito engraçado esse poema, se vc o escrevei, parabéns.

Cris disse... @ 2 de maio de 2008 08:56

E a nossa melhor participação nisso tudo, é termos que assistir...A densidade deste texto comemora comigo a clareza com que você escreve Cris e, eu te parabenizo pela abordagem crítica desse assunto! Um beijo grande, querido. E grata... Muito grata mesmo, pelo carinho.

Maíra disse... @ 2 de maio de 2008 13:51

alfaces alfaces e nós aqui tentando seguir...bom feriado bjs se cuidaa

Aventureiro X disse... @ 4 de maio de 2008 15:50

Genial teu post brow.
Realmente como seria bom o Brasil se tivessemos politicos honestos... ou menos crazy!
Hehhehehehehe
Abração!

MH disse... @ 7 de maio de 2008 18:48

OLha, por uma questão de principios...eu não como nada verde.

Postar um comentário

...entre os catetos da hipotenusa e os versos do soneto...

Não limpe os pés antes de entrar...
Tire os sapatos e sinta-se a vontade!
A casa é sua, só peço um pouco de educação e que não venha simplesmente colar uma plaquinha com o seu endereço... No mais, liberdade de expressão é tudo oque há!
Obrigado pela visita e volte sempre, Será bem vindo :)
- Obs: favor deixar algum link (vale facebook, twitter...) ou email em que eu possa responder
- Obs 2: Se preferir, utilize o formulário para contato

 

Palavras ao Vento!

Versos, prosa e erros ortográficos, tudo em conflito!
Verbos se tornam pronomes e do adjetivo se faz um ser... Sob a brisa da madrugada, marés de ideias se colidem e formam Palavras (ao Vento). Se o resultado é bom ou não, só você pode dizer...

:banners:

Protected by Copyscape Duplicate Content Software

Socialize:

Add to Technorati Favorites Arts & Entertainment Blogs - Blog Catalog Blog Directory

Comentando..

Dose diária de poesia?