Palavras ao Vento

ano VIII ...entre os catetos da hipotenusa e os versos do soneto...

Bola de Cristal...

Publicado por Cristiano Nadai under on domingo, setembro 30, 2007
No que acreditar...
teorias se confundem
e na beblina me perdi
O mundo é uma bola de cristal
mas ninguem pode prever

Me afastei de toda a lógica
e pesquisei o meu olhar
a ignorância me sufoca
se lágrimas são gotas, eu sou o mar

Se procurei uma razão
caminhei mas sem chegar
meu mapa foi o coração
e na cegueira em pedras, vi luar

e vc ainda pergunta, porque estou assim...

E na escuridão da luz
que se apaga à noite, sozinha
às vezes me vejo
correndo e sem medo, à procura
mirando um alvo, vc ou um poço
qualquer coisa que sirva como cura
talvez um drinque ou um ópio
mas que me faça lembrar vc....
e tudo me lembra vc...

0 deixaram suas marcas:

Postar um comentário

...entre os catetos da hipotenusa e os versos do soneto...

Não limpe os pés antes de entrar...
Tire os sapatos e sinta-se a vontade!
A casa é sua, só peço um pouco de educação e que não venha simplesmente colar uma plaquinha com o seu endereço... No mais, liberdade de expressão é tudo oque há!
Obrigado pela visita e volte sempre, Será bem vindo :)
- Obs: favor deixar algum link (vale facebook, twitter...) ou email em que eu possa responder
- Obs 2: Se preferir, utilize o formulário para contato

 

Palavras ao Vento!

Versos, prosa e erros ortográficos, tudo em conflito!
Verbos se tornam pronomes e do adjetivo se faz um ser... Sob a brisa da madrugada, marés de ideias se colidem e formam Palavras (ao Vento). Se o resultado é bom ou não, só você pode dizer...

:banners:

Protected by Copyscape Duplicate Content Software

Socialize:

Add to Technorati Favorites Arts & Entertainment Blogs - Blog Catalog Blog Directory

Comentando..

Dose diária de poesia?